11 Oct 2008

Vida de Cristal





Letra enviada pelo Amigo Poeta Rubens Antonio,

feita especialmente para a minha composição
atualmente "batizada" como "Em busca do Paraíso".


Obrigada, Rubens, você me honrou demais
com este presente.

Grande abraço,
Chris



Vida de Cristal


Vem...

meu coração... de cristal...

E me ama... tão leve assim...

Um coração... de cristal...

Vem... e chama...

tão breve em mim

Um coração... de cristal...

Uma vela, meu porto... enfim...

Ah...

Vento, espuma, sem final...

"Sê por mim!"

Ah... meu coração...

Ah... meu sem fim...

Sua... enfim!

Vem cá me fazer...

Ser assim...

Vem cá me dizer

"Sê em mim..."

Ah... Meu coração...

Um Cristal

Ah... Minha canção

Anjo bom...

"Teu, enfim!"

Ah...

Meu coração... de cristal...

E me ama... tão leve assim...

Um coração... de cristal...

Vem... e clama...

tão breve em mim

Ah...

Vento, espuma, sem final...

"Sê por mim!"

Ah... Meu coração...

Ah... Meu sem fim...

Sua... enfim!

Vem cá me fazer

Ser assim...

Vem cá me dizer

"Sê em mim..."

Ah... Meu coração...

Um Cristal

Ah... Minha canção

Anjo bom...

"Teu, enfim!"

Vem...

Meu coração... de cristal...

E me ama... tão leve assim...

Um coração... de cristal...

Vem... e Vida...

Tão breve em mim...


Rubens Antonio

5 comments:

Fernanda said...

A-pai-xo-nan-te! Não sei qual mais linda, se a música ou a letra...

Anonymous said...

Chris...
Eu é que tenho muito a Agradecer. Ouvir sua Poesia chegando com as notas... A Leveza e Profundidade se associaram inseparavelmente, a cada átimo, naquilo com o que nos brindou.. Com essa belíssima composição Vc expressa o indizível de tal forma que praticamente fala ... e transmuta uma Sonata uma Cantata... Quem tem coração... ouve a Voz...
Tua Arte tem múltiplas asas... e a nós as oferece...
Bjs, querida amiga
Rubens

Claudia said...

A Arte feita em duas mãos, é uma sublime. É a união dos Sentidos.Partilhar Sentimento, é coisa para poucos.

Parabens aos dois Artistas.

Claudia

ARTE E INSTINTO


"Se a obra de arte proviesse da intenção de fazê-la, podia ser produto da vontade. Como não provém, só pode ser, essencialmente, produto do instinto; pois que instinto e vontade são as únicas duas qualidades que operam.
A obra de arte é, portanto, uma produção do instinto. O drama, sendo primariamente uma obra de arte, é-o também.

Fernando Pessoa, 1916

Rubens Antonio said...

.
Tudo de Bom que veio naquilo que na letra aparece emergiu a partir do que senti nessa Música... a qual Vc conseguiu que não fosse somente sua... mas transcendesse... Ao, mergulhando em seu sentimento, naquilo que Vc queria, conseguir tocar uma Alma mais profunda de nós todos.
Eu apenas procurei o fio da meada que Vc deixou, muito claramente exposto, neste Som..Esse mesmo que Vc soube resgatar do Todo sentimental pluriversal...
Sinceramente Chris... Foi só fechar os olhos e Ouvir não notas... mas Sentimentos e Palavras... Que Arte... Que Arte... Que Artista Vc, Querida amiga...
.

Eliana f.v. - Li Andorinha - said...

É impressionante a suavidade dessa tua bela composição Chris querida!
E com 12 aninhos!!!!PARABÉNS!!!

E mais uma vez o Rubens captou com maestria a magia da tua inspiração!
Parabéns Rubens!

E minha alma em revoadas, canta sem parar o prazer de acompanhar tão linda melodia e versos, que nos leva ao melhor dos sentimentos...
Obrigada! Obrigada!Obrigada!
torcendo sempre para mais uma...
beijos com muito carinho
da Eliana